terça-feira, 1 de setembro de 2015

Sopas e sopinhas...

Que melhor forma de dar legumes aos nossos filhos, em doses diárias suficientes, do que sopa de legumes?


É consensual a ideia de que a sopa de legumes pode ser um prato altamente nutritivo, de fácil digestão, seguro e com capacidades de controle do peso.

Às vezes, torna-se complicado variar os tipos de legumes que as crianças ingerem, ou mesmo, fazer com ingiram quantidades suficentes de legumes, especialmente quando são crianças mais seletivas e com gostos mais reduzidos. Por isso, num prato de sopa de legumes, conseguimos "disfarçar" alguns legumes que gostem menos, garantir boas doses de vitaminas e minerais, uma vez que não rejeitando a água de cozedura, a sopa é uma excelente fonte destes nutrientes e também de fibras e dando sopa no início da refeição conseguimos controlar melhor o apetite e a ingestão de calorias extra.

A sopa é uma forma segura de ingerir legumes, uma vez que cozinhando os legumes a 100ºC, conseguimos destruir toxinas, eliminar bactérias, parasitas e inativar os seus ovos, evitando assim intoxicações alimentares, muitas vezes associadas a ingestão de legumes crus contaminados.

Outros benefícios da sopa são, por exemplo, melhorar o desenvolvimento infantil e juvenil, maior proteção contra doenças digestivas e degenerativas, maior capacidade imunitária e redução de patologias como obstipação, obesidade e dislipidemias.

Como fazer sopa de forma mais saudável!

Uma sopa de legumes deverá ser simplesmente, um caldo de legumes cozidos em água, com quantidade reduzida de sal e temperado com azeite, apenas no final da cozedura.

Trocar batata por courgete, chuchu, batata-doce, feijão, grão, lentilhas, ervilhas, couve-flor ou utilizar o talo dos brócolos para fazer um bom puré.

Por tudo isto... VIVA A SOPA!!!!

1 comentário:

Anónimo disse...

Muitos parabéns pelo blog...